Provincia di Roma
Santuario D’ Oropa – Biella – Italia
Chiesa Cattolica Italiana
Provincia di Biella
Associação Madre Cabrini
Catolicismo Romano
CARACTERÍSTICAS DO CANTO GREGORIANO PDF Imprimir E-mail

Características do Canto Gregoriano

- É uma música vocal, isto é, que é cantada a capela, sem acompanhamentos de instrumentos;

- Se canta a "unísono", uma nota de cada vez, ou seja, que todos os cantores entoam a mesma melodia. Muitos autores afirmam que não deveria admitir-se o canto de coro misto, por que se estaria interpretando a duas vozes em oitava. Porém, é justo que, tanto homens, como mulheres e crianças, devem ter igual oportunidade de participar da Liturgia, recomendam que, para não interromper este princípio "unísono", o façam de forma alternada; (Rítmo)

- Se canta com rítmo livre, segundo o desenrrolar do texto literário e não com esquemas medidos, como poderiam ser os de uma marcha, uma balada, uma valsa ou até uma sinfonia;

- É uma música de molde escrita em escalas de sons muto particulares, que servem para despertar variados sentimentos, como recolhimento, alegria, tristeza e serenidade; (Modos)

- Sua melodia é silábica se a cada sílaba do texto corresponde um som e é melismática quando a uma sílaba corresponde a vários sons. Há melismas que contém mais de 50 notas para uma só sílaba.

- O texto deve estar em latim, lingua do Império Romano, extendida difundida pela Europa. Estes textos foram retirados dos Salmos e outros Livros do Antigo Testamento; alguns provem dos Evangelhos e outros eram de insperação própria, geralmente anônima. Não obstante, existem peças liturgicas em lingua grega: Kyrie eleison, Agios o Theos (Liturgia de Viernes Santo)...

- Escrita: O Canto Gregoriano esta escrito sobre tetragramas, ou seja, quatro linhas, diferente da música atual que é escrita em pentagrama. Suas notas se denominam "ponto quadrado (punctum quadratum)"; (Notação)

 
< Anterior   Próximo >
Copyright © 2010 Catolicismo Romano | Powered by UNOPress