Associação Madre Cabrini
Chiesa Cattolica Italiana
Santuario D’ Oropa – Biella – Italia
Catolicismo Romano
Provincia di Biella
Provincia di Roma
APÓSTOLO PAULO DIZIA: "EDUCAI OS VOSSOS FILHOS NUMA SEVERA DISCIPLINA" - POR CARDEAL MINDSZENTY PDF Imprimir E-mail
''É necessário dizer aqui algumas palavras sobre a disciplina e a autoridade. O apóstolo Paulo escrevia: 'Educai os vossos filhos numa severa disciplina'. 'Um filho que na juventude foi criado sem disciplina, traz a desonra para sua mãe'. 'Se tiveres filhos, educa-os desde os primeiros anos. O coração da criança inclina-se para o mal, mas a disciplina rigorosa leva-os para o bem'.

A Igreja sempre reprovou o pensamento naturalista que entrega a criança à sua própria iniciativa e que, em vez de levar à liberdade dos filhos de Deus, leva à escravidão das paixões. É um erro extraordinariamente perigoso pensar que a criança será boa se lhe permitir crescer de uma maneira natural. Na realidade acaba por ser um autêntico selvagem.

O barão Wilhelm Ketteler (1811-1877) conta que a mãe lhe mandava vestir a ele e aos outros irmãos, somente um fato de tecido simples, quer no inverno quer no verão, quer em casa quer fora dela. Só quando atingiu os dezoito anos é que recebeu a primeira capa. Todos deviam levantar-se de manhã muito cedo e quem não estudasse com intensidade era privado dos pratos preferidos. Na primavera, quando a água estava ainda bastante fria, deviam tomar o banho ao ar livre e suas queixas de que não se encontravam bem não mereciam grande atenção à mãe. Desta disciplina nasceram verdadeiros homens que tiveram um papel importante na vida e essa magnífica educação era recordada com orgulho por Ketteler depois de ser bispo de Mainz e um grande reformador social. Um bloco de mármore precisa de um duro cinzel para vir a ser uma obra de arte e as mãos da mãe têm de ser enérgicas para cinzelar o espírito do filho. (...)

Depois do sol posto, os filhos nada têm a fazer na rua. A partir dessa hora, as ruas pertencem às forças do mal e nada de bom podem aprender se andarem a divagar por elas. Mesmo nos jogos, a mãe deve estabelecer uma certa ordem e um certo sentido de disciplina. Quando o filho, nas suas corridas pela casa, tropeça com as mesas ou com as cadeiras, a mãe não deve chamar 'má' à mesa ou 'estúpidas' às cadeiras. A criança deve aprender a sofrer um pouco e a ter mais cuidado no futuro. A demasiada compaixão é prejudicial.''

Cardeal József Mindszenty. ''A mãe''. Coleção Éfeso, Edit. Aster (2ª edição), Lisboa, 1956, pp., 206-208
 
< Anterior   Próximo >
Copyright © 2010 Catolicismo Romano | Powered by UNOPress