Associação Madre Cabrini
Provincia di Roma
Chiesa Cattolica Italiana
Provincia di Biella
Catolicismo Romano
Santuario D’ Oropa – Biella – Italia
China diz que quer "melhorar relação diplomática" com o Vaticano PDF Imprimir E-mail

A porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da China, Hua Chunying, informou que o governo de seu país quer melhorar as relações diplomáticas com o Vaticano.   

"O governo chinês apoia um princípio claro e coerente na gestão das relações com o Vaticano. A parte chinesa é sempre sincera ao dizer que quer melhorar as relações com o Vaticano e trabalha sem descanso para tal fim", disse a representante ao ser questionada por um jornalista.   

Chunying destacou ainda que Pequim quer trabalhar com a Santa Sé "para atingir o objetivo comum e atingir novos progressos na melhora das relações bilaterais e na promoção de um diálogo construtivo". 

 

A declaração da porta-voz ocorre um dia após o representante da comunicação do Vaticano, Greg Burke, minimizar possíveis novos atritos com Pequim depois do governo chinês fazer ordenações episcopais para algumas dioceses católicas e estar agendado um novo encontro da Assembleia dos católicos.   

"Os católicos na China esperam ansiosamente os sinais positivos, que os ajudem a ter confiança no diálogo entre as autoridades civis e a Santa Sé em um futuro de unidade e de harmonia", disse Burke nesta terça-feira (20).   

Apesar dos problemas que perduram há décadas, como as nomeações religiosas do Papa não serem reconhecidas por Pequim, as declarações dos últimos dias mostram que existe um avanço na melhora das relações diplomáticas, interrompidas em 1951. O tom das falas, muito mais tranquilo e atenuado, é muito diferente do que ocorria em anos anteriores.   

O papa Francisco é um dos entusiastas da reaproximação e já chegou a dizer que "sonha" com uma visita ao território chinês durante seu Pontificado.  

 
< Anterior   Próximo >
Copyright © 2010 Catolicismo Romano | Powered by UNOPress