Chiesa Cattolica Italiana
Santuario D’ Oropa – Biella – Italia
Catolicismo Romano
Associação Madre Cabrini
Provincia di Roma
Provincia di Biella
SANTA GENOVEVA - 03 DE JANEIRO PDF Imprimir E-mail

Nasceu em 422 em Naterre perto de Paris e dedicou-se a Jesus desde a idade de 7 anos quando se encontrou com São Germano numa visita deste a Paris.

Quando seus pais faleceram, ela com apenas 15 anos se tornou uma freira em um convento em Paris. Suas visões e profecias a colocaram em perigo por varias vezes, mas São Germano sempre a defendia. Depois de certo tempo suas profecias se confirmaram e ela passou a ser respeitada e reverenciada por todos. Quando Paris foi ocupada pelo Rei Childeric I (faleceu em 481) e seu exército, Genoveva levou comida para o povo. Ela pediu a Childeric e ao seu sucessor Rei Clovis (481-511) para conseguir a liberdade dos prisioneiros.

Em 451 ela predisse que Átila e os Unos iriam desviar-se de Paris. Ela conduziu uma cruzada de orações que resultou na salvação de Paris visto que Átila desviou-se inexplicavelmente de Paris. Ela liderou a construção da Igreja de São Dionisius (Saint Denis) e convenceu ao Rei Clovis a construir a igreja de São Paulo e São Pedro, onde sua tumba foi preparada.

Vários milagres são creditados a rua intercessão, sendo um deles a de ter ainda, em vida, restaurado a visão de uma cega apenas com sua benção. A intercessão de Santa Genovena é tambem creditada como tendo salvo Paris da praga de 1129. Teria sido a procissão realizada em sua honra em 1129 que teria extinguido inexplicavelmente a terrível epidemia de 1129 em Paris.

Ela faleceu em 3 de janeiro de 500 em Paris. Na arte litúrgica da Igreja ela é representada como uma pastora, segurando uma vela e as vezes confrontando com o demônio e restaurando a visão de uma mulher. É a padroeira da cidade de Paris e protetora contra epidemia, pragas e desastres.

Sua festa é celebrada no dia 3 de janeiro.

 
< Anterior   Próximo >
Copyright © 2010 Catolicismo Romano | Powered by UNOPress